Os Melhores Conteúdos
De Marketing Digital

Tudo que sua empresa precisa para se posicionar e vender.

Como reduzir os custos de uma empresa para aumentar investimentos em marketing

reduzir-custos-1.jpg

Não adianta melhorar seus ganhos e ter excelentes estratégias de marketing e vendas se seus custos também estiverem aumentando.

E muitas vezes o aumento do custo compromete o investimento em marketing, que é o combustível que sua empresa precisa para poder crescer.

Em tempos de crise econômica, as formas de reduzir os custos dos negócios se tornam ainda mais necessárias – o que pode levar a medidas desesperadas e nem sempre eficazes.

Portanto, é muito importante conhecer alguns exemplos de estratégia de redução de custo que podem ser aplicados em seus negócios.

Você conhece os primeiros passos de como reduzir as despesas nos negócios?

 

Por que é importante reduzir custos e investir em Marketing?

Segundo uma pesquisa da mind miners, grandes empresas, dependendo do setor, chegam a investir até 18,5% do faturamento bruto em suas ações de Marketing.

Grandes empresas se tornaram grandes exatamente por entender a importância do marketing nos resultados dos seus negócios.

Mas o que acontece muitas vezes com empresas de médio e pequeno porte, é que os recursos são bastante limitados para retirar um percentual alto de seu faturamento bruto com isso.

E na mesma pesquisa, por uma questão de curiosidade, a diferença entre distribuição de recursos entre marketing digital e o tradicional, está pendendo da vez mais para o digital.

Em um workshop realizado pela Webtrends, números como estes surpreenderam pequenos e médios empresários por desconhecerem tais índices.

 

O que mais torna esta redução de custos importante?

O crescimento de uma organização depende não apenas de quanto ela gera com seus produtos ou serviços, mas também de quanto ela gasta.

Uma empresa pode vender muito e agradar seus clientes, mas se seus custos excederem (ou forem muito próximos) aos valores arrecadados, ela não aumentará.

Portanto, quando se trata de reduzir custos, essa parece ser uma das principais considerações de todos os negócios.

Mas não basta começar a fazer cortes sem um planejamento adequado.

Primeiro de tudo, você deve se perguntar:

  • Eu realmente sei os custos do meu negócio?
  • Qual o impacto que a redução de cada um deles teria em nossas atividades?
  • Poderia ter consequências negativas? Ou positivo?
  • Quais setores serão afetados e como?

Portanto, o primeiro passo antes de colocar em prática qualquer exemplo de estratégia de redução de custos é simplesmente o seguinte: entender profundamente o gerenciamento de custos do seu negócio.

Afinal, não adianta tentar reduzir custos em atividades que não terão nenhum impacto, ou mesmo modificar processos que resultem no declínio da qualidade de seus produtos.

 

Afinal, quais são os custos?

É preciso entender que custos e despesas são conceitos diferentes.

Despesas são as despesas necessárias para uma empresa continuar funcionando, isto é, salários administrativos, publicidade, marketing, etc.

Os custos estão associados à entrega de bens e produtos finais, como aquisição ou produção de bens, matérias-primas, mão de obra, eletricidade, depreciação de máquinas, impostos, entre outras coisas.

Os custos são divididos entre custos fixos, aqueles que não dependem da quantidade produzida pela empresa, e custos variáveis, aqueles que variam de acordo com a produção (compra de matéria-prima, desgaste da máquina, custos de combustível para entregas, etc.).

 

Analise seus processos

Antes de apresentarmos alguns exemplos de estratégia de redução de custos para as empresas, vale lembrar que todas elas só devem ser feitas após a análise dos processos aos quais se relacionam.

A análise de processos permite detectar atrasos, gargalos e desperdícios e, assim, reduzir alguns custos na empresa, entre outras coisas.

 

10 exemplos de estratégia de redução de custos de negócios

Você notará que os primeiros exemplos de estratégia de redução de custos de negócios em nossa lista são bastante intuitivos, mas, mesmo assim, estuda o impacto dessas reduções na qualidade dos processos envolvidos.

 

1- Telefone e internet

Esses são dois custos fixos (dependendo do ramo da empresa) que são essenciais para qualquer empresa funcionar hoje.

Então você deve ter se perguntado antes: é possível gastar menos com essas opções?

A resposta é sim! Você precisa analisar seus requisitos (de qual velocidade de internet você precisa? Suas ligações são de longa distância ou local?) E realizar planos de pesquisa apropriados.

Certifique-se de revisar as opções disponíveis de vários fornecedores. Também dê preferência aos planos corporativos, que são opções mais econômicas.

Você ainda pode usar a tecnologia a seu favor: pode optar por conexões por meio de aplicativos como WhatsApp, Skype  ou Viber.

Mas tenha cuidado para que essas alternativas não tornem sua internet muito mais cara.

Faça as contas e compare qual opção será mais vantajosa.

 

2- Contas de água e energia

Essas contas geralmente têm valores bastante significativos e também são essenciais.

Portanto, a redução de seus valores é considerada um dos melhores exemplos de estratégia de redução de custos de negócios.

É possível reduzir custos investindo em torneiras e tomadas mais baratas, substituindo lâmpadas incandescentes por LEDs ou fluorescentes, além de desligar dispositivos não utilizados, como impressoras e monitores (evite deixá-los em espera) ou até instalar sensores que ativam a luz somente quando existe alguém no ambiente.

Medidas simples, quase banais e de baixo investimento podem ter um efeito significativo.

 

3- Papel e impressão

Mesmo com a diminuição do uso de papel, ainda existem documentos que às vezes precisam ser impressos.

Nesses casos, imprima usando os dois lados da folha, o que economizará papel.

Além disso, digitalize documentos e utilize ferramentas de compartilhamento on-line colaborativas, como Google Drive, Dropbox ou OneDrive.

 

4- Taxas e taxas bancárias

Tente renegociar possíveis taxas e taxas com seus credores e bancos. Essa pode ser uma alternativa para diminuir as taxas de juros.

Mas cuidado! É imperativo estudar antecipadamente se a empresa terá condições financeiras para lidar com as novas condições negociadas.

 

5- Estoque

Analise e determine quais produtos não estão vendendo e diminua sua produção. Ter estoque lento leva a perdas financeiras, pois as mercadorias ocupam espaço e podem até deteriorar-se com o tempo.

Se você ainda não iniciou, use um software que o ajude a controlar o inventário.

 

6- Mudança de fornecedores

Se não for possível mudar, pelo menos faça pressão sobre eles, indicando que você já faz algumas compras com seus concorrentes e que precisa de uma redução de preços, prazo mais longo, um bônus em produtos etc. ou será forçado mudar de fornecedor.

 

7- Planejamento

Para adotar qualquer um desses exemplos de estratégia de redução de custos de negócios, fazer um plano é fundamental.

Estipule metas mensais, semestrais e anuais ou o período que melhor se adapta à sua situação, mas evite agir sem ter feito muitas análises e pesquisas sobre o seu negócio e os objetivos que você deseja alcançar.

Nenhuma estratégia deve ser posta em prática antes de passar pelas ferramentas de planejamento estratégico.

 

8- Contratação e desligamento de funcionários

Os dois processos geram custos para a empresa: gastos com treinamento, integração do novo funcionário e direitos trabalhistas a serem considerados nas demissões.

Portanto, apenas contrate alguém se a posição for realmente essencial no momento. E, se a função não corresponder a uma atividade comercial de rotina, contratar funcionários terceirizados pode ser uma opção melhor.

Nos casos de demissão, é muito importante fazer uma análise detalhada em cada caso. Defina se os custos envolvidos na rescisão de contratos realmente valem a pena.

Além disso, considere o tempo que um novo funcionário levará para ser treinado ou como você reconfigurará a equipe na ausência de um funcionário.

 

9- Reduzir custos de logística e frete

Ao comparar fornecedores, não leve em consideração apenas o valor das mercadorias. Estude as despesas relacionadas à logística e frete, que podem aumentar o preço que parecia atraente a princípio.

 

10- Ajuda da equipe

Por fim, se sua empresa precisar reduzir custos, informe sua equipe sobre essa necessidade. Juntos, os funcionários podem colocar em prática várias maneiras de economizar dinheiro, desligando dispositivos não utilizados, digitalizando documentos etc.

O importante é informá-los para que os objetivos sejam compartilhados e se tornem mais fáceis de alcançar.

 

E na hora de investir em Marketing, procure uma Agência de Performance e Diferenciação que possa realmente trazer resultados significativos.

Fale hoje com um de nossos especialistas!

Adriano Luz


Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *


Este site utiliza cookies para armazenamentos de dados de visitação para melhorar sua experiência.
Open chat
1
Olá, Você deseja resultados para seu negócio?
+357 biografias
PRONTAS para o Instagram
Resgatar o meu E-BOOK
Headlines Prontas
Mais de 200 títulos para escolher
Resgatar o meu E-BOOK