Os Melhores Conteúdos
De Marketing Digital

Tudo que sua empresa precisa para se posicionar e vender.

7 maneiras de precificar seus produtos e serviços

7-maneiras-.jpg

Toda empresa que se visualize com um crescimento e estabilidade no mercado, antes de alcançar o topo e relevância dentre seus concorrentes, necessita de definir um planejamento estratégico de atuação, e principalmente relacionado ao marketing, que é um dos responsáveis por conectar a empresa ao consumidor. 

O marketing por si só já é um investimento que cada marca deve possuir com estratégias e planejamento, pois não existe uma receita que funcione para todas as áreas e todos os tipos de atuação no mercado. 

É fundamental que haja um estudo de campo, ou seja, um estudo mercadológico para analisar qual segmento e métodos do marketing é mais indicado para o desempenho para determinado público, visão da empresa, orçamento, entre muitos fatores influenciadores.  

A chave para ter um futuro promissor para uma marca, principalmente iniciantes e inexperientes, é planejar e organizar cada setor de necessidade da empresa. Focar bastante no produto, ou serviço, e principalmente no público, que será o grande motivo de crescimento e popularização da marca. 

É necessário calcular até a relação de produto e demanda, afinal, sua empresa deve arcar com as despesas, lucrar e ainda basear-se em um preço “acessível” ao público para que não perca pela concorrência, a menos que o marketing e a qualidade sejam fiéis atuantes.  

Atribuir um preço aos produtos e serviços pode ser uma situação complexada e muitas vezes causar confusão para os profissionais, por isso é importante trabalhar essa questão com cuidado e atenção, levando em consideração todos os pontos relevantes que influenciam. 

A precificação também é uma estratégia de marketing válida para ser apurada no planejamento, mas, primeiramente, vamos as explicações e definições. 

 

O que é o processo de precificação? 

O processo de precificação é um processo pertencente a muitas empresas que no qual visa calcular e planejar o preço de venda de um produto ou serviço.

É uma elaboração que necessita de muito monitoramento, testes, correções caso precise, organização e foco. 

Para definir, como já foi dito anteriormente, o cálculo inclui investimento, despesas, lucro e ser disponível ao bolso do consumidor, afinal, a demanda influencia fortemente na definição e constante alterações que os preços possuem no mercado. 

O preço é uma definição quantitativa sobre seus produtos ou serviços, no qual envolve os processos descritos acima e isso não possui relação com o valor que o mesmo possui, o valor trata-se de uma visão do cliente de qualidade e satisfação que ele deposita a sua marca, incluindo o preço determinado.  

Mas, como você pode perceber, é uma tarefa complexa e pode ser fundamental para determinar o sucesso, ou “fracasso” de uma marca, então vamos analisar dicas e passos elaborados por especialistas e utilizados pelas principais empresas e vamos entender como funciona para esse planejamento tão fundamental e influenciador nos resultados de uma marca. 

 

  • Pesquisa mercadológica 

Basicamente, a pesquisa mercadológica trata-se de uma pesquisa que tem como fundamento estabelecer informações necessárias para definir e elaborar estratégias vantajosas para a marca. 

Para isso, é necessário tratar de fatores como público alvo, persona, concorrentes, ou seja, todos os dados referentes a análise mercadológica. 

E com o preço não seria diferente, antes de qualquer coisa, é de muita importância que os dados referentes a todas as informações da empresa, sua atuação e público estejam disponibilizados, as estratégias (justamente a do preço) dependem desses fatores; 

 

  • Concorrência  

A concorrência presente no mercado é um dos principais pontos a serem trabalhados para definir o preço do seu produto ou serviço. Lembre-se que será uma competição, então é importante tomar como base os seus semelhantes. 

Os concorrentes podem oferecer preços muito altos, ou muito baixos, então para saber qual lado da moeda trabalhar, ofereça uma qualidade baseada em um preço médio, de iniciação, e para aumentar, ofereça benefícios ou simplesmente use o marketing a seu favor. 

As pessoas tendem a investir um pouco mais em produtos e serviços que oferecem benefícios (até mesmo a qualidade) e sensações de satisfação; 

 

  • Orçamento  

Quando se trata de serviços, é importante trazer a ideia de orçamentos diversificados para o cliente, tenha uma variedade de categorias de serviços e consequentemente preços para que ele mesmo possa medir o que irá pagar, pelo que; 

 

  • Seja honesto 

É muito importante para uma marca que ela conquiste a confiança do público, mesmo que seja uma variedade de pessoas, elas possuem uma noção do que estão pagando e recebendo, então não tente ganhar em cima de situações criadas, seja objetivo e direto com o seu preço, e apresente qualidade pelo que ele está pagando (mantenha-o informado disso); 

 

  • Custos fixos 

Sabemos que é uma tarefa difícil estabelecer despesas fixas todo mês, ou semestre, porém obtenha uma base fixa, como se fosse uma média, para que não haja necessidade de ter uma alteração de preço constante, pois isso estressa os consumidores, podendo causar uma má reputação e prejudicar os resultados de vendas; 

 

  • Valor monetário 

O valor monetário é um fator importante para estabelecer a precificação dos seus produtos e serviços, nele são inclusas questões que não se tratam definitivamente do produto, mas de tudo que envolve sua produção, marketing, diferenciações (tecnologias, brindes, entre outros). 

Deve ser apurado e levado em consideração para estabelecer o preço, pois querendo ou não, é uma diferenciação perante aos concorrentes e é um custo. É importante informar o público indiretamente sobre esse fator (no marketing principalmente); 

 

  • Sazonalidade 

Sazonalidade é definida por períodos e épocas específicas do ano, que para o capitalismo, é o marketing perfeito para vender mais e lucrar em cima disso. 

Natal, dia das mães, dia dos namorados, por exemplo, influenciam no aumento de procura de alguns produtos, sendo o momento ideal para criar promoções, kits exclusivos, sempre pensando no seu lucro e posição do consumidor. 

 

Conclusão 

Essas são 7 dicas e técnicas que são utilizadas por especialistas e profissionais para o cálculo de precificação. Mas, ainda existem fatores particulares que podem alterar e determinar essa elaboração de preço. 

Seja parcial a todos as necessidades da sua empresa e estude cada detalhe antes de definir um dos maiores influenciadores de compras pelos consumidores, o preço. 

Lembre-se que o valor é o que sua marca e seus clientes agregam sobre seus produtos e serviços. 


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com * Required fields are marked *


Open chat
1
Olá, Você deseja resultados para seu negócio?